COMO SUPERAR A FALTA DE MÉTODO DE ESTUDO, DE TEMPO E DE MOTIVAÇÃO PARA ESTUDAR

COMO SUPERAR A FALTA DE MÉTODO DE ESTUDO, DE TEMPO E DE MOTIVAÇÃO PARA ESTUDAR
Rate this post

SUPERE AS 3 MAIORES DIFICULDADES AO ESTUDAR PARA CONCURSO PÚBLICO OU VESTIBULAR

FALTA DE MÉTODO DE ESTUDO, não saber COMO, O QUE E QUANTO estudar de forma organizada.

FALTA DE TEMPO PARA ESTUDAR porque trabalha muito, mora longe, dupla jornada, tem filhos ou os pais para cuidar.

FALTA DE MOTIVAÇÃO que leva a procrastinação, por duvidar se consegue, se vale a pena continuar.

OUTRAS DIFICULDADES TAMBÉM COMUNS A ESTUDANTES

  • Problemas com memorização para fixar, reter o conteúdo estudado, branco de memória diante das provas.
  • Excesso de matérias exigidas nos concursos públicos e vestibulares, a concorrência acirrada.
  • Falta de concentração ao estudar, cansaço, sono, ansiedade.
  • Falta de dinheiro ou materiais de estudo.
  • Dificuldade com Língua Portuguesa, Redação, Matemática, Raciocínio Lógico.

*** Dificuldades apontadas em pesquisa do site Tudo Sobre Concursos

Por acaso, você conhece alguém que já passou por alguma dessas dificuldades?

Essa pessoa …, possui desejo real de superar qualquer dificuldade para alcançar o concurso público ou vestibular desejado?

Então, faço a você …, quase um pedido:

Que tal você ajudar essa pessoa a ter escolhas e encontrar soluções após ler o que vem a seguir?

COMPREENDER A VERDADEIRA RAIZ DAS DIFICULDADES PARA ENCONTRAR SOLUÇÕES

FALTA DE MOTIVAÇÃO.

Vamos começar com a dificuldade FALTA DE MOTIVAÇÃO, falta de ânimo ou desânimo, falta de vontade, que gera consequências como:

  • Dificuldade de manter o foco e o compromisso com os estudos;
  • Procrastinar, deixar para depois, a hora de estudar daquela matéria chata.
  • Duvidar se vai conseguir a aprovação desejada ao pensar em coisas negativas como:
    • É muita coisa para estudar não vou dar conta.
    • A concorrência é muito grande, são muitos candidatos por  vaga.
    • “Nunca” fui de estudar muito, acho que não gosto de estudar mesmo.
    • Estudo tanto, mas não consigo ir bem nas provas.
    • Não consigo estudar sozinha ou sozinho.
    • Eu sempre começo e paro de estudar, “sou assim, nasci assim …“.
  • Adiar ou mesmo abandonar o projeto de aprovação no concurso público ou vestibular.

Todos estamos sujeitos a falta de motivação para realizar alguma coisa, não há problema algum nisso.

Agora quando queremos realizar algo realmente importante a motivação é fundamental, ela é a energia que nos permite seguir em frente e superar obstáculos para atingir os nossos objetivos.

O QUE É EXATAMENTE MOTIVAÇÃO?

Motivação tem a ver com o MOTIVO que se tem para realizar alguma AÇÃO.

Para o nosso tema estudar, inicialmente o motivo refere-se a parte racional, a razão pela qual se estuda.

Qual poderia ser o motivo para buscar aprovação no vestibular do Curso Universitário Super X?

  • Carreira.
  • Nível de ensino.
  • Instituição (pública ou não).
  • Reputação para o mercado de trabalho.

Qual poderia ser o motivo para conseguir aprovação (e nomeação ao cargo!) no Mega Concurso Público Y?

  • Estabilidade.
  • Salário.
  • Benefícios.
  • Aposentadoria.

Os exemplos foram intencionalmente simples, os motivos sim são importantes!

Porque podemos assumir que os benefícios de ambas as conquistas (vestibular e concurso público) bastariam como motivação para estudar com afinco.

Mas isso não é verdade, não é o suficiente, não é assim que funciona.

POR QUE, AFINAL isso acontece?

Porque a cada motivo que manifestamos para realizar alguma coisa (ação), existe algo além, algo muito mais significativo que o motivo em si.

Lembre-se que o motivo está ligado a razão, ao racional, ao que vem a mente quando pensamos no porquê queremos fazer algo.

Principalmente, quando somos abordados com uma pergunta sobre o porquê queremos algo, como o exemplo do concurso público ou vestibular.

O Valor do “algo muito mais significativo” só pode ser percebido por Você!

E para percebê-lo se faz necessário que você experiencie, imagine, ouça através dos seus pensamentos. Você precisa sentir através de suas percepções sensoriais, emoções e sentimentos.  

Posso exemplificar e a sua participação é essencial!

*** Experimente isso, é para você! ***

Pense por um instante no Seu Objetivo de Aprovação.

É o Mega Concurso Público Y? Ou, Curso Universitário Super X?

Pensou? Eu aguardo, tudo bem …!

Consegue se imaginar em um momento futuro para fazer o exercício?

Imagine-se vivenciando uma cena cotidiana na qual você já se encontra desfrutando a sua conquista …

Lance mão de toda a sua criatividade para observar o ambiente, objetos, cores, sons, aromas talvez!

Há pessoas aí? Pense no que você diz a elas sobre a sua satisfação por estar ali.

Por um momento perceba o que você está sentindo, perceba sensações, no tipo de emoção que invadem a sua mente.

Com isso em mente, você pode identificar o verdadeiro significado da sua motivação! 

O verdadeiro significado da sua motivação é o recurso que está a sua disposição, é a energia para você estudar com afinco e a partir de agora:

  • Manter o foco e o compromisso com os estudos.
  • Estudar qualquer matéria, todas são úteis, são legais.
  • Conseguir a aprovação desejada, com pensamentos positivos, como:
    • Vou dar conta de estudar tudo que é necessário.
    • Estou na concorrência, a quantidade de candidatos por vaga é irrelevante para mim.
    • Estudo com produtividade porque gosto de estudar mesmo.
    • Estudo com qualidade por isso vou bem nas provas.
    • Estudar só é legal, estudar com amigos é melhor ainda.
    • Eu sempre tenho escolhas para estudar como eu quero.
    • Vou realizar o meu o projeto de aprovação.

Os obstáculos reais na sua rotina de estudos continuarão a existir.

Com os recursos e a energia do verdadeiro significado da sua motivação,

O que antes era uma dificuldade passa a ser agora, apenas um desafio a ser superado.

FALTA DE TEMPO PARA ESTUDAR

A falta de tempo para estudar é uma das grandes dificuldades de candidatos de concurso público e vestibular, para muitos em decorrência de:

  • Trabalho: extensa jornada de trabalho.
  • Deslocamento: tempo gasto (“perdido”) nos trajetos casa-trabalho-escola.
  • Dupla jornada: Cuidar da cada, dos filhos e de outras pessoas da família que demandam cuidados.
  • Atividades-pessoais: que concorrem com o tempo para estudar.

Aqui precisamos lidar com o fato que o tempo como o percebemos é um recurso escasso.

Ótimo! Tomar consciência disso me ajuda:

  • Dar mais valor ao tempo que tenho.
  • Utilizá-lo da melhor maneira possível.
  • Com o que é mais importante na minha vida.

Há uma frase do Steve J. Scott, autor do livro 23 hábitos anti-procrastinação, muito pertinente:

“Não existe um futuro perfeito em que o trabalho será mais fácil e divertido e a necessidade (desagradável), não vai “desaparecer” sozinha!” – Steve J. Scott.

Que Mr. Scott me permita adaptá-la para o nosso tema:

“Não existe um futuro perfeito em que O TEMPO SERÁ ABUNDANTE e ESTUDAR será mais fácil e divertido e a FALTA DE TEMPO PARA ESTUDAR AGORA, não vai “desaparecer” sozinha!”

COMO “CRIAR” TEMPO PARA ESTUDAR MESMO DIANTE DE TANTAS DEMANDAS?

No artigo COMO CRIAR O SEU PLANO DE ESTUDO VENCEDOR EM 4 PASSOS (CLIQUE AQUI para ler!) sugiro uma etapa para mapear todas as suas atividades diárias ao longo da semana.

Isso é importante porque lhe dá a oportunidade de:

  • Descobrir exatamente como você gasta o seu tempo;
  • Encontrar brechas de horários que estão sendo negligenciados;
  • Reavaliar atividades que podem ser reduzidas em tempo e frequência para priorizar o que é importante para você, neste caso, estudar.

Se desejar faça o download da planilha modelo no artigo sobre plano de estudo!

Realizado o mapeamento, você poderá aplicar as ferramentas a seguir que são muito poderosas para “criar” tempo.

Essas abordagens lhe dão escolhas para você fazer melhor uso do seu tempo.

FAÇA AQUILO QUE LHE DÁ MAIS RESULTADO

Experimente, analisar e identificar quais das suas atividades trazem mais resultados para o seu objetivo de conseguir o que deseja, no caso, aprovação no concurso público ou vestibular.

Trabalhar, cuidar de alguém, os seus momentos pessoais de descanso e lazer são muito importantes e naturalmente serão mantidos!

Então, com isso em mente, procure se dedicar somente aquilo que lhe traz resultados e ao que é importante para você.

Para o restante pratique o desapego, pratique o dizer não, delegue ou abandone o que for possível, só se ocupe com que tem Valor para Você.

Esse princípio funciona com sucesso para estudar e para inúmeras outras situações.

Originalmente isso se deve ao cientista político, sociólogo e economista italiano Vilfredo Pareto, que em 1897 publicou um estudo sobre distribuição de renda, que afirmava:

“A maior parte da riqueza (80%) está concentrada numa menor parte da população (20%)” 

Esse princípio, conhecido posteriormente por “Lei de Pareto” ou “Regra 80/20” foi verificado e aplicado em muitas outras áreas do conhecimento, de forma geral, o que se verifica é que 80% das consequências de um fenômeno advêm de 20% de suas causas.

Os percentuais 80% e 20% são apenas uma referência.

O importante é se concentrar naquilo que traz bons resultados aos seus objetivos!

SENSO DE URGÊNCIA PARA ESTUDAR, sem “desespero”

Muitas vezes deixamos de fazer coisas por achar que não há tempo suficiente para aquilo naquele momento.

A todo momento somos “sequestrados” pela nossa incessante mente pensante.

A mente pula de pensamento em pensamento com coisas que nada nos ajudam a passar no concurso público ou vestibular.

Isso acontece especialmente em situações como em filas de espera (do caixa, do ônibus), dentro do transporte público (Metrô, ônibus), aguardando em uma recepção ou sala da espera.

Alguém poderia argumentar “comigo não, eu “tô” sempre no smartphone, na Internet, no face …”, ledo engano …, de novo é mente, só que navegando na Internet!

Com senso de urgência desenvolvido você tende a aproveitar todas as brechas de horário para estudar.

Qualquer situação ociosa e improdutiva pode ser revertida para ler, ouvir ou revisar até mentalmente algum conteúdo de estudo.

Experimente criar as suas estratégias e recursos para transformar qualquer situação de espera inativa, em oportunidade para estudar.

Como estratégias e recursos me refiro a sempre levar com você qualquer material de estudo,  que seja fácil de transportar.

Exemplos:

  • Material impresso com conteúdo de aulas e de exercícios (folha impressa, “folha arrancada do caderno”, livro, caderno);
  • Textos, resumos de livros, áudios de aulas gravadas, vídeoaulas, audiobooks armazenados no smartphone (ou tablet).
  • eReaders para textos de aulas e ebooks.
    • Se ainda não usou um, experimente! Você pode armazenar centenas (milhares) de e-books, além dos seus próprios materiais (aulas, artigos, páginas de sites e outros conteúdos da internet), a bateria dura semanas em alguns casos e é melhor para ler textos do que o computador ou tablet, sendo que os modelos de menor valor já dão conta do recado! Sim …, eu tenho um,  gosto e uso muito!

ESTUDAR EM HORÁRIOS DE CURTA DURAÇÃO.

Use as mesmas estratégias para estudar em horários de curta duração (< 15 minutos):

  • Chegou mais cedo ao trabalho,
  • Sobrou tempo ao retornar do almoço,
  • Está aguardo alguém para uma reunião ou atividade, etc.

SENSO DE URGÊNCIA PARA ESTUDAR ANTECIPADAMENTE 

Desenvolver senso de urgência nos dá a noção exata que estudar somente quando sai o edital ou a inscrição para o vestibular é uma estratégia ruim.

Uma estratégia melhor é seguir uma rotina de estudos antecipada ao concurso público ou vestibular.

Existem matérias básicas historicamente requeridas em vários concursos públicos de uma mesma área de atuação, o mesmo acontece para algumas matérias específicas.

Vestibular idem, as matérias são previamente conhecidas!

FALTA DE MÉTODO DE ESTUDO

A falta de método de estudo é uma das maiores causas de dificuldades enfrentadas por estudantes no processo de aprendizagem.

Em sistemas de ensino ultrapassado decorar textos e fórmulas ainda é o que se oferece.

Nesses sistemas não se ensina ao aluno como estudar, a organizar o seu tempo e criar estratégias para reter conhecimentos do que foi estudado.

A falta de método de estudo é percebida, principalmente, durante a preparação para enfrentar o vestibular ou concurso público.

Estudar por longas horas sem planejamento, sem saber como estudar é improdutivo e frustrante.

Muitos estudantes desistem sem buscar alternativas, outros persistem por anos sem alcançar os resultados desejados.

Ter muito tempo livre não é garantia de aprovação, sem método de estudo.

Por que ainda é necessário saber como estudar:

  • Utilizar técnicas de estudos.
  • Fazer revisões e exercícios (teste e simulados).
  • Mensurar o progresso.

MÉTODO DE ESTUDO – QUAL UTILIZAR?

As escolhas de pensamento de psicologia, filosofia, autoconhecimento entre outras, defendem que existem três caminhos (métodos) para se aprender na vida.

Existe uma frase atribuída ao Confúcio que também faz referência a três métodos para ganhar sabedoria.

Embora recebam nomes diferentes, a definição de cada método é essencialmente o mesmo para todas as escolas.

Os três métodos aprender na vida:

  • Por reflexão ou meditação: mais consciente, evita o sofrer.
  • Por imitação ou exemplo: mais acessível, fácil, prático.
  • Por experiência, vivencia ou ação: mais difícil e penoso.

Podemos aplicar esse conceito para o nosso contexto:

Por experiência, vivência ou ação é a falta de método de estudo, é estudar quantidade de horas sem qualidade ou produtividade, sem organização, sem referências, o que leva a frustração.

Por imitação ou exemplo é pesquisar e adotar um método de estudo que já é referência no mercado, que traz bons resultados para quem usa, avalie comentários e depoimentos.

Avalie e adote um método de estudo que proporcione a você:

  • Organização de como estudar com produtividade
  • Estudar menos tempo com mais qualidade.
  • Técnicas de estudo variadas.
  • Materiais de apoio otimizados.
  • Processos que alternem teoria, revisões e testes.

Por reflexão ou meditação é tomar consciência de que é preciso mudar de atitude quando não obtemos os resultados desejados com as nossas ações.

Quantas pessoas você conhece que reclamam da situação em que se encontram e não mudam.

Elas não conseguem enxergar que se continuarem a fazer sempre do mesmo modo, vão chegar sempre aos mesmos resultados insatisfatórios.

Sem problemas, se você não souber como mudar!

Busque ajuda, busque exemplos bem-sucedidos!

CONCLUSÃO

Uma fantástica lição muito simples que aprendi a partir de um livro do Steve J. Scott.

Faça o desafio de 30 dias.

Neste artigo abordamos vários conceitos e ações que permitem a você ter mais escolhas ao lidar com as maiores dificuldades ao estudar.

Lembre-se que tentar resolver muitas dificuldades de uma só vez, pode ser tornar mais uma “dificuldade”.

O desafio é para você implementar uma mudança por vez e durante 30 dias perseguir esse objetivo para consolidar essa sua nova atitude.

Medite para decidir com o que quer começar e com calma, faça bem feito! Afinal isso é para Você!

Muito Sucesso!

Aprender Memorizar!

Inscreva-se no Site Aprender Memorizar para receber novidades! CLIQUE AQUI!

Ajude o Aprender Memorizar a alcançar mais pessoas!

Gostou do conteúdo, por favor, compartilhe!

Também recomendamos:

A Formula da Aprovacao
A Formula da Aprovação (CLIQUE na IMAGEM)

Leandro Lima passou em 22 concursos públicos e neste vídeo, ele fala de sua experiência e método de estudo!(CLIQUE AQUI para saber mais!)

Agradecemos Por Seus Comentários:

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.